16 de abril de 2024

Prefeitura determina novas medidas de combate à dengue em Ponta Grossa

Arquivo

A ferramenta é mais uma medida para fortalecer a fiscalização de criadouros do mosquito da dengue. O número do Whats é (42) 99830-3526.

A Prefeitura de Ponta Grossa definiu hoje, 16, novas medidas que serão realizadas no combate à dengue no município. As ações foram definidas durante reunião dos secretários do Comitê de Combate à Dengue, no gabinete da prefeita Elizabeth Schmidt (União). Ainda hoje está prevista a divulgação do Decreto que autoriza medidas extraordinárias em razão da Situação de Emergência decretada na última sexta, 12, pelo Município.
“Estamos aumentando nossa atenção para este problema que atinge todo o nosso país, e vem causando preocupação em todos nós. Não vamos medir esforços para promover ações de combate ao mosquito e, ao mesmo tempo, atender a população acometida pela dengue. Somente com a união de esforços é que vamos vencer essa batalha”, disse a prefeita Elizabeth.
Durante a reunião ficou determinada que uma das ações imediatas será o uso de uma tenda, já montada na UPA Santa Paula para a triagem dos pacientes. Além disso, serão realizadas adequações para a instalação de centrais de hidratação em ambas as UPAs e a contratação de profissionais (médico e enfermeiros) para suprir as demandas necessárias na UPA Santa Paula e Unidades Sentinelas, com a contratação também, em caráter emergencial, de serviços de ambulâncias para o transporte e coleta de exames.
A reunião definiu ainda que os mutirões de combate à dengue serão intensificados, inclusive contando com a participação dos 100 alunos do Curso de Formação da Guarda Municipal e com o uso de drones para a fiscalização em locais de difícil acesso.
Esse trabalho será reforçado também por 50 trabalhadores braçais, que serão contratados através de dispensa de licitação para atuar no recolhimento do lixo acumulado.
De acordo com a presidente da Fundação Municipal de Saúde, Priscila Degraf, equipes da Secretaria de Meio Ambiente e Departamento de Urbanismo também estarão presentes nas ações para a limpeza de terrenos baldios e notificação de proprietários, caso seja necessário.
“A ideia é que ao localizarmos um terreno baldio com mato alto, lixo acumulado ou água parada, o proprietário seja notificado e nossas equipes façam a limpeza do local imediatamente. Por isso, quem tiver terreno em estado de abandono, deve providenciar a limpeza, para evitar notificação e cobrança posterior”, alerta.
A Prefeitura deve criar também um serviço de denúncias via WhatsApp, que deverá ser colocado à disposição da população ainda nesta semana. Por meio desse serviço a população poderá enviar fotos e informações sobre possíveis focos do mosquito da dengue.
Todas as medidas são tomadas devido ao alto nível de proliferação do mosquito Aedes Aegypti em Ponta Grossa, o que eleva o risco de propagação da doença bem como o grande número de casos notificados e confirmados na cidade. (Com assessoria)


Compartilhe



Últimas notícias

Divulgação

21 de maio de 2024

ACIPG e Sandro Alex debatem melhorias na região

Divulgação

21 de maio de 2024

Lideranças entregam Masterplan para Elizabeth

Divulgação

21 de maio de 2024

Multinacional sueca oferece curso de aperfeiçoamento para trabalhadores da indústria em PG

Divulgação

21 de maio de 2024

Prefeitos da região representam a AMCG na Marcha em Defesa dos Municípios

Ver mais

Mais Lidas

Arquivo

11 de janeiro de 2017

Prefeitura quebrada, cidade abandonada e Rangel de malas prontas para cruzeiro no Caribe

Divulgação

8 de outubro de 2018

Conheça os 54 deputados estaduais eleitos no Paraná

Arquivo

31 de março de 2020

Ratinho Junior libera igrejas e outras atividades consideradas essenciais no Paraná

Divulgação

ORTIGUEIRA

24 de janeiro de 2022

“2022 deve ser um ano de mais vitórias”, afirma Ary Mattos