14 de janeiro de 2022

Guto Silva reassume mandato na Assembleia e anuncia pré-candidatura ao Senado

Arquivo

O anúncio foi feito durante entrevista coletiva na qual o parlamentar também tornou pública sua pré-candidatura ao Senado Federal nas eleições majoritárias deste ano. Ele retoma as funções legislativas após três anos à frente da Casa Civil do Governo do Estado.

O deputado estadual Guto Silva (PSD) reassumiu ontem, 13, seu mandato na Assembleia Legislativa do Paraná. O anúncio foi feito durante entrevista coletiva na qual o parlamentar também tornou pública sua pré-candidatura ao Senado Federal nas eleições majoritárias deste ano. Ele retoma as funções legislativas após três anos à frente da Casa Civil do Governo do Estado. Com o retorno de Silva ao Poder Legislativo, o deputado Ademir Bier (PSD) deixa o cargo que ocupava desde abril do ano passado.

Antes da entrevista coletiva, o primeiro secretário da Assembleia, deputado Luiz Claudio Romanelli (PSB), recebeu Guto Silva em seu gabinete para desejar-lhe um bom retorno à Casa. Na ocasião, Romanelli destacou que o ex-chefe da Casa Civil desempenhou um importante papel no diálogo entre os poderes Executivo e Legislativo. “O Guto Silva foi um grande interlocutor do Governo do Estado junto à Assembleia. Coordenou muito bem as ações do Governo em diversas áreas, dinamizou a gestão da pasta e acelerou processos que resultaram em obras e investimentos por todo o Paraná”, disse.

RETORNO – Durante a entrevista, Guto Silva afirmou que decidiu não cumprir o prazo de desincompatibilização, previsto nas leis eleitorais, para construir novos projetos em prol do Estado do Paraná e também ampliar os debates em torno da sua candidatura ao Senado. “Essa antecipação do retorno à Assembleia é justamente para ter mais liberdade para intensificar essa articulação da candidatura para senador. É mais confortável para mim e também para o governador. Além disso, terei mais tempo para percorrer o Estado e buscar novas propostas e projetos que pretendo defender nessa trajetória”, afirmou.

BALANÇO – O parlamentar fez um balanço dos três anos que passou como secretário-chefe da Casa Civil do Governo do Estado. Segundo Silva, a experiência no Poder Executivo foi muito rica e engrandecedora. “Encaramos momentos muito complicados. Tivemos uma pandemia global sem precedentes e uma crise hídrica. No primeiro ano de governo imprimimos um ritmo muito forte com a Assembleia para fazer algumas transformações para projetar o Paraná do futuro. Foram duas reformas administrativas, uma lei moderna de parcerias público-privadas e a construções de leis de previdência, terceirização e liberdade econômica, entre outras. Essas ações deram condições para que o Estado pudesse ultrapassar os obstáculos durante os dois últimos anos de pandemia”, explicou.

DESAFIOS – Guto Silva ainda declarou que a partir de agora o momento é de enfrentar os desafios dentro da saúde pública, da economia e do serviço social. “Temos pela frente a batalha da saúde, com as questões da vacinação, logística e ampliação de leitos. Precisamos também encarar a área econômica. É preciso gerar mais emprego e renda para a população do Paraná, mesmo com o Estado tendo mantido a economia forte durante a pandemia. Na área social os programas de auxílio aos mais vulneráveis devem continuar, uma vez que a pandemia é muito desigual”, avaliou o deputado.

CANDIDATURA – O deputado também ressaltou durante a entrevista que está muito decidido em relação à candidatura ao Senado e que acredita que é necessário oferecer alternativas ao eleitor paranaense em relação à próxima vaga no Congresso. “Estou com convicção que o Paraná precisa ter uma voz mais contundente no Senado. O Estado que manda R$ 60 bilhões para União e que tem o retorno de apenas R$ 20 bilhões precisa por o dedo em feridas históricas”, concluiu Silva. (Com assessoria)


Compartilhe



Últimas notícias

Arquivo

25 de janeiro de 2022

Quem são os candidatos a deputado em Ponta Grossa neste ano?

Arquivo

25 de janeiro de 2022

O Homem da Mala está na ativa?

Divulgação

ORTIGUEIRA

24 de janeiro de 2022

“2022 deve ser um ano de mais vitórias”, afirma Ary Mattos

Divulgação

24 de janeiro de 2022

Tibagi e Paraná Turismo firmam parceria para aniversário de 150 anos do Município

Ver mais

Mais Lidas

Arquivo

11 de janeiro de 2017

Prefeitura quebrada, cidade abandonada e Rangel de malas prontas para cruzeiro no Caribe

Arquivo

31 de março de 2020

Ratinho Junior libera igrejas e outras atividades consideradas essenciais no Paraná

14 de agosto de 2017

Suposto patrocínio da UEPG em aniversário do MST gera polêmica nas redes sociais

Arquivo

28 de setembro de 2020

Ponta Grossa tem 456 candidatos a vereador em 2020; Confira a lista