9 de maio de 2024

Elizabeth abre três unidades 24h para atender casos de dengue

Divulgação

As unidades, localizadas ao lado dos terminais de ônibus em Uvaranas (Conrado Mansani), Oficinas (Cyro Garcia de Lima) e Nova Rússia (Rômulo Pazinato), terão equipes para atendimento exclusivo aos casos da doença na cidade sem nenhuma interrupção, sete dias da semana.

Iniciou ontem, 08, o atendimento 24 horas das três Unidades Sentinelas para triagem e tratamento de pacientes com sintomas de dengue em Ponta Grossa. As unidades, localizadas ao lado dos terminais de ônibus em Uvaranas (Conrado Mansani), Oficinas (Cyro Garcia de Lima) e Nova Rússia (Rômulo Pazinato), terão equipes para atendimento exclusivo aos casos da doença na cidade sem nenhuma interrupção, sete dias da semana.
A prefeita Elizabeth Schmidt (União) visitou as Unidades e destacou o trabalho integrado do Município para atender a população e também buscar a prevenção da doença em todas as regiões de Ponta Grossa. “A implantação do atendimento 24 horas nas Unidades Sentinelas é apenas uma das inúmeras medidas que temos no combate à dengue, seja acolhendo os pacientes com sintomas ou nas dezenas de mutirões de limpeza realizados pelos nossos agentes todos os dias. Não vamos medir esforços neste trabalho”, ressalta Elizabeth.
Com esse novo protocolo, casos menos graves de dengue poderão ser atendidos nesses pontos, sem a necessidade de encaminhamento para outros estabelecimentos. Além do atendimento 24 horas para a população nos principais bairros de Ponta Grossa, o Laboratório Central da Prefeitura, que analisa os testes de dengue coletados nas unidades de saúde e nas Unidades de Pronto Atendimento (UPAs), também irá funcionar de forma ininterrupta.
“Estamos monitorando de forma constante, juntamente com as demais secretarias e órgãos envolvidos no combate à dengue, os números envolvendo a doença e o registro dos casos. Com essa ampliação, damos um importante passo para descentralizar o atendimento especialmente no período noturno, onde é registrado um crescimento na busca pelos serviços de saúde por parte dos pacientes com sintomas”, explica Priscila Degraf, presidente da Fundação Municipal de Saúde.

O QUE MUDA?
Mesmo com o atendimento voltado para os sintomas da dengue, serviços como a realização de raio-x, exames de eletrocardiogramas e atendimento odontológico continuam normalmente nas três unidades localizadas na Nova Rússia, Uvaranas e Oficinas – conforme os agendamentos já realizados anteriormente. As salas de vacinação também seguem em funcionamento de segunda a sexta, das 09 às 21 horas, enquanto a retirada de medicamentos funciona das 9h às 17 horas.
Já as consultas médicas que estavam agendadas para os próximos dias, além da triagem de pacientes que não possuem sintomas de dengue, foram direcionadas para as Unidades Ezebedeu Linhares (Jardim Amália), Sillas Salen (Vila Claudionora) e Adilson Baggio (Santo Antônio). (Com assessoria)


Compartilhe



Últimas notícias

Divulgação

21 de maio de 2024

ACIPG e Sandro Alex debatem melhorias na região

Divulgação

21 de maio de 2024

Lideranças entregam Masterplan para Elizabeth

Divulgação

21 de maio de 2024

Multinacional sueca oferece curso de aperfeiçoamento para trabalhadores da indústria em PG

Divulgação

21 de maio de 2024

Prefeitos da região representam a AMCG na Marcha em Defesa dos Municípios

Ver mais

Mais Lidas

Arquivo

11 de janeiro de 2017

Prefeitura quebrada, cidade abandonada e Rangel de malas prontas para cruzeiro no Caribe

Divulgação

8 de outubro de 2018

Conheça os 54 deputados estaduais eleitos no Paraná

Arquivo

31 de março de 2020

Ratinho Junior libera igrejas e outras atividades consideradas essenciais no Paraná

Divulgação

ORTIGUEIRA

24 de janeiro de 2022

“2022 deve ser um ano de mais vitórias”, afirma Ary Mattos