15 de julho de 2019

Viaje Paraná já recebeu 30 mil acessos e 105 mil visualizações

Arquivo

Criado há cinco meses, o site traz dicas e roteiros de viagem para 119 municípios e a intenção é disponibilizar, até o final do ano, informações sobre os 283 destinos com potencial turístico no Estado.

Em cinco meses, de 12 de fevereiro a 11 de julho, 29.876 pessoas acessaram o portal Viaje Paraná, desenvolvido pela Secretaria de Comunicação e Cultura e pela É-Paraná para concentrar todas as informações turísticas das cidades paranaenses que fazem parte do Mapa do Turismo Brasileiro. Nesse período foram 105.173 visualizações de página.

O site tem dicas e roteiros de viagem para 123 municípios e a intenção é disponibilizar, até o final do ano, informações sobre os 283 destinos com potencial turístico no Estado.

A plataforma é atualizada diariamente com dicas de passeios, hospedagem e gastronomia das cidades, além de trazer fotos e vídeos dos locais que podem ser visitados. Há opções para todos os gostos e bolsos, do turismo religioso a destinos para famílias e casais, além de alternativas de aventura, natureza e praia. Há ainda páginas exclusivas sobre o Litoral e o Estado, com informações gerais sobre lugares mais visitados e dicas.

Até o momento o alcance do site foi apenas natural, com inserções estratégicas na imprensa, mas o intuito é transformá-lo em ponto de encontro de todas as informações necessárias para o turista. As equipes que trabalham no Viaje Paraná estão construindo um programa de SEO (estratégia para melhorar o ranqueamento em mecanismos de busca) e conteúdos exclusivos para divulgação em mídias digitais nos próximos meses – as páginas no Facebook e Instagram começaram a funcionar há apenas trinta dias e já contam com 1,8 mil seguidores.

O secretário de Estado da Comunicação Social e Cultura, Hudson José, explica que o Viaje Paraná une informações fundamentais de cultura, histórico e gastronomia e uma plataforma atrativa com imagens e vídeos. “É uma página de chegada. Tem as principais atrações turísticas do Estado em textos, vídeos e imagens. O que leva a pessoa a tomar uma decisão pelo destino turístico é beleza. Como se traduz isso? Com imagens”, afirma.

O portal, explica o secretário, atende o compromisso do governador Carlos Massa Ratinho Junior (PSD) com a geração de emprego e desenvolvimento social através do turismo. “É uma das apostas do governo para atrair investimentos e gerar renda. Pelos exemplos que temos, o setor responde muito rápido a investimentos menos expressivos. E também representa emprego às pessoas localmente, próximas ao empreendedor, o que diminui as faltas, integra as localidades e possibilita mais conforto”, completa.

A orientação é que pelo menos 30% dos recursos da Comunicação sejam investidos na atração de turistas e na criação de mecanismos para fidelizar quem viaja pelo Paraná.

REFERÊNCIA – Aldo Carvalho, diretor de Marketing da Paraná Turismo, afirma que o portal é uma referência em conteúdo sobre o Estado e tem potencial para ajudar o turismo a crescer pelo menos 10% nos próximos dois anos. “O Viaje Paraná concentra um material extremamente atual e funciona para distribuir melhor o nosso potencial. Queremos democratizar o acesso e provocar os próprios destinos a oferecerem melhores serviços para a população”, emenda.

A Paraná Turismo calcula que o Estado atrai 16 milhões de turistas por ano, entre aqueles internos (paranaenses que se deslocam de uma cidade para outra) e externos (outros estados e países). O crescimento projetado, segundo o diretor, passa principalmente por impactar os vizinhos, como paulistas, sul-mato-grossenses e catarinenses.

“O planejamento de turismo para os próximos anos prevê a ampliação do cardápio tradicionalmente ligado a Curitiba, Foz do Iguaçu, Vila Velha e o Litoral. Queremos dinamizar a experiência dos turistas e para isso estamos divulgando lugares que ficariam esquecidos em outros sites. O Viaje Paraná funciona como um catalisador”, completa Carvalho.

LOCAIS MAIS PESQUISADOS – Nestes cinco meses, a homepage já foi acessada 23.583 vezes, seguida por Terra Roxa, Prudentópolis, Primeiro de Maio, Curitiba e Chopinzinho. As três cidades mais procuradas têm vocações diferentes, aspecto marcante do turismo paranaense e do projeto de atração do Estado.

Terra Roxa, no Oeste, é terra da tradicional Feira Moda Bebê, evento que atrai visitantes de diversas regiões do País. Prudentópolis, na região central, possui mais de 100 cachoeiras catalogadas e um circuito de ecoturismo, além de preservar a cultura ucraniana na gastronomia e nas tradições familiares. E Primeiro de Maio, na divisa com São Paulo, é banhada pelos rios Paranapanema e Tibagi, terra de turismo fluvial e esportes aquáticos.

Os paranaenses que mais acessaram o Viaje Paraná até o momento moram em Curitiba, Londrina, Maringá e Cascavel. Também há acessos vindos de São Paulo (1.846 visitantes únicos) e cidades pequenas do Paraná (2.006), não rastreáveis pelo Google Analytics.

CALENDÁRIO – Desenvolvido pela Celepar, o portal oferece também um calendário com as principais festas e atrações das cidades paranaenses nos destinos turísticos. Outro diferencial é a possibilidade de verificar a quilometragem de um ponto a outro no Estado por meio da calculadora de distâncias, o que permite programar melhor o roteiro desejado. A página está disponível em português e já conta com 70 destinos traduzidos para o inglês. O acesso pode ser via computador, tablet ou celular. (Com AEN)


Compartilhe



Últimas notícias

Divulgação

20 de setembro de 2019

Banco de Projetos do Paraná avalia primeiras propostas

Divulgação

19 de setembro de 2019

Moacyr assina ordem de serviço para nova rodoviária

Divulgação

19 de setembro de 2019

Mostra ‘Eliseu Lacerda’ conta história através do cinema

Arquivo

19 de setembro de 2019

Temporais danificam 3.222 casas e afetam 12.227 pessoas

Ver mais

Mais Lidas

Arquivo

11 de janeiro de 2017

Prefeitura quebrada, cidade abandonada e Rangel de malas prontas para cruzeiro no Caribe

14 de agosto de 2017

Suposto patrocínio da UEPG em aniversário do MST gera polêmica nas redes sociais

Arquivo

"RAMBO"

10 de fevereiro de 2017

“Vou fechar todos os buracos da cidade em seis meses ou não me chamo Márcio Ferreira”, impõe meta secretário

Divulgação

9 de setembro de 2019

Secretário Superman é socorrido após levar surra