6 de abril de 2017

UPA implanta ações para melhorias no atendimento

Divulgação

O trabalho realizado pelos profissionais da UPA consiste no gerenciamento dos riscos aos quais os pacientes estão expostos no serviço de saúde, criando medidas para evitar que eles ocorram ou, pelo menos, minimizar as chances de um incidente

A Unidade de Pronto Atendimento (UPA) e Pronto Atendimento Infantil (PAI) Santa Paula, gerida pelo INDSH – Instituto Nacional de Desenvolvimento Social e Humano, está passando por um importante processo de mudança na forma de atendimento aos pacientes. Nos últimos meses, os profissionais da unidade estão trabalhando em um novo modelo de atendimento, estruturado com foco na redução dos riscos e na segurança e qualidade da assistência.

O trabalho realizado pelos profissionais da UPA, cujo foco do atendimento são os casos de urgência e emergência, consiste no gerenciamento dos riscos aos quais os pacientes estão expostos no serviço de saúde, criando medidas para evitar que eles ocorram ou, pelo menos, minimizar as chances de um incidente. Para isso, uma equipe multiprofissional implantou protocolos e políticas assistenciais e estabeleceu ações para melhorar a interação entre os processos de trabalho.

Um dos exemplos é o protocolo de dor torácica (ou dor no peito), que pode ser um forte indício de infarto. Quando é identificado esse sintoma, toda a equipe segue um roteiro de atendimento a fim de evitar que o quadro do paciente se agrave. São definidos exames que devem ser realizados, rotina de acompanhamento e medicações que podem ser utilizadas. Além disso, também foram estabelecidos critérios de atendimento para casos de sepse (infecção generalizada), priorização do atendimento por meio da classificação de risco, e ações como mudanças no espaço físico e informatização do prontuário do paciente. Tudo isso para melhoria e agilidade no atendimento.

Atualmente, são atendidos diariamente 400 pacientes, em média, totalizando cerca de 12.000 atendimentos por mês. Para dar conta do volume de atendimento, a UPA conta com uma equipe de 160 profissionais, composta por médicos, enfermeiros, técnicos de enfermagem, técnicos de raios-x, recepcionistas, assistentes sociais, entre outros.

Todas as ações desenvolvidas na UPA são baseadas em critérios estabelecidos pelo Ministério da Saúde, Anvisa e demais agencias reguladoras e também segue modelos de gestão assistencial de outras instituições de saúde de referência do país. Por conta desse trabalho, a UPA Santa Paula deu início a um processo de avaliação almejando o mais conceituado selo de qualidade na área da saúde do Brasil – a Acreditação – conferido pela Organização Nacional de Acreditação (ONA). O processo deverá ser finalizado dentro de poucas semanas e, caso seja aprovada, será uma das poucas UPAs do Brasil reconhecidas com este certificado.

O processo de certificação junto à ONA é voluntário e caracteriza-se pelo seu caráter educativo, visando à melhoria contínua dos serviços de saúde. Para obter a certificação, os serviços de saúde precisam passar por quatro etapas de avaliação, sendo: diagnóstico, pré-certificação, certificação e homologação. A UPA Santa Paula já passou pelas primeiras etapas e aguarda a formalização e homologação por parte da ONA para saber o resultado.

POLÍTICA DE SEGURANÇA DO PACIENTE – Desde 2013, o Ministério da Saúde preconiza que instituições de saúde públicas e privadas atuem com medidas voltadas à segurança do paciente. Por meio da Portaria nº 529, de 1º de abril de 2013, que institui o Programa Nacional de Segurança do Paciente (PNSP); e a RDC nº 36, de 25 de julho de 2013, que institui ações para a segurança do paciente em serviços de saúde, a questão da segurança do paciente vem sendo debatida com mais amplitude na área da saúde.

O objetivo dessa mobilização nacional é reduzir os casos de erros relacionados à assistência à saúde e melhorar o gerenciamento dos processos de atendimento ao paciente. (Com assessoria)


Compartilhe



Últimas notícias

Arquivo

4 de março de 2021

PG terá mutirão de vacinas contra a Covid-19 neste fim de semana

Divulgação

4 de março de 2021

Fiocruz confirma circulação de variantes do coronavírus no Paraná

Divulgação

4 de março de 2021

Suspensão do processo de concessão atende interesses dos paranaenses, diz Romanelli

Divulgação

4 de março de 2021

Feirão da Qualificação, Emprego e Renda acontece neste mês

Ver mais

Mais Lidas

Arquivo

11 de janeiro de 2017

Prefeitura quebrada, cidade abandonada e Rangel de malas prontas para cruzeiro no Caribe

Arquivo

31 de março de 2020

Ratinho Junior libera igrejas e outras atividades consideradas essenciais no Paraná

14 de agosto de 2017

Suposto patrocínio da UEPG em aniversário do MST gera polêmica nas redes sociais

Arquivo

28 de setembro de 2020

Ponta Grossa tem 456 candidatos a vereador em 2020; Confira a lista