9 de agosto de 2019

Sanepar amplia estação de tratamento de Imbituva

Divulgação

Obras estão em execução. Investimento de R$ 2,8 milhões aumenta em 60% a capacidade de tratamento da estação e traz potencial ao sistema para que acompanhe o crescimento da cidade.

A Sanepar investe R$ 2,8 milhões na ampliação da capacidade da Estação de Tratamento de Esgoto Horst, de Imbituva, recursos destinados também à implantação de uma tecnologia de pós-tratamento mais completa que atende os mais rigorosos parâmetros da legislação.

De acordo com a gerente-geral da Sanepar na Região Sudeste, Jeanne Schmidt, as obras acontecem em duas etapas. A primeira, já em execução, aumenta a capacidade de tratamento da estação em 60% e traz potencial ao sistema para que acompanhe o crescimento da cidade. Esta fase inclui também quatro novos leitos de secagem de lodo, interligações e urbanização da estação, entre outros.

“A segunda etapa, com abertura de pregão previsto para este mês, contempla a instalação de um módulo de pós-tratamento através de decantação acelerada, uma tecnologia que melhora ainda mais a qualidade do efluente tratado antes de ser devolvido ao meio ambiente”, destaca Jeanne. A previsão é de que a ampliação da ETE Horst seja concluída em 2020, beneficiando a população de todo o Município. (Com AEN)


Compartilhe



Últimas notícias

Arquivo

27 de maio de 2020

Paraná tem 200 novos casos de Covid-19 e mais três óbitos

Arquivo

27 de maio de 2020

Caminhoneiro de Telêmaco com Covid-19 morre em Paranaguá

Divulgação

27 de maio de 2020

Plauto conquista recursos para nova iluminação em Carambeí

Arquivo

27 de maio de 2020

Ponta Grossa registra quatro novos casos de Covid-19: 66 no total

Ver mais

Mais Lidas

Arquivo

11 de janeiro de 2017

Prefeitura quebrada, cidade abandonada e Rangel de malas prontas para cruzeiro no Caribe

Arquivo

31 de março de 2020

Ratinho Junior libera igrejas e outras atividades consideradas essenciais no Paraná

14 de agosto de 2017

Suposto patrocínio da UEPG em aniversário do MST gera polêmica nas redes sociais

Arquivo

"RAMBO"

10 de fevereiro de 2017

“Vou fechar todos os buracos da cidade em seis meses ou não me chamo Márcio Ferreira”, impõe meta secretário