11 de janeiro de 2019

Rangel joga ‘bomba no colo’ de Elizabeth

Arquivo

Ela tem a ordem do titular do cargo, caso se confirme os fatos, de executar (mandar pra rua) um dos seus mais próximos ‘escudeiros’.

Uma ‘bomba’ envolvendo um dos nomes fortes do governo municipal está prestes a estourar e foi jogada pelo prefeito Marcelo Rangel (PSDB) ‘no colo’ da vice-prefeita Elizabeth Schmidt (PSB), que assume a Prefeitura a partir desta segunda-feira, 14. Ela tem a ordem do titular do cargo, caso se confirme os fatos, de executar (mandar pra rua) um dos seus mais próximos ‘escudeiros’. Marcelo tira férias até o final do mês, mas estará atento aos acontecimentos e não descarta antecipar a sua volta.

A denúncia chega ainda hoje ao Ministério Público Federal, acompanhada de fortes provas documentais e testemunhas, e envolveriam recursos de um programa federal repassados para o Município.

Elizabeth está receosa com o ‘turbilhão’ que irá enfrentar, mas promete não titubear e tomar as medidas necessárias.


Compartilhe



Últimas notícias

Arquivo

26 de junho de 2019

Em fim de mandato, Rangel promete deixar licitado asfalto em 90% das ruas de PG

Divulgação

CASTRO

26 de junho de 2019

Curso prepara lideranças comunitárias

Divulgação

26 de junho de 2019

Erva-mate pode impulsionar economia no Vale do Iguaçu

Divulgação

26 de junho de 2019

É preciso uma reforma que corrija distorções, diz Aliel

Ver mais

Mais Lidas

Arquivo

11 de janeiro de 2017

Prefeitura quebrada, cidade abandonada e Rangel de malas prontas para cruzeiro no Caribe

Arquivo

28 de agosto de 2018

Vaza áudio de secretário de Cida falando sobre dinheiro em troca de apoio

14 de agosto de 2017

Suposto patrocínio da UEPG em aniversário do MST gera polêmica nas redes sociais

Arquivo

"RAMBO"

10 de fevereiro de 2017

“Vou fechar todos os buracos da cidade em seis meses ou não me chamo Márcio Ferreira”, impõe meta secretário