14 de novembro de 2019

Promotoria de Justiça de Tibagi emite recomendação para que Câmara se abstenha de fazer pagamentos indevidos a servidores

Divulgação

De acordo com o MPPR, a Lei Municipal 2.774/2019, que dispõe sobre o novo regime jurídico dos servidores, tem como irregularidade a previsão de pagamento de adicionais de insalubridade, periculosidade e noturno, embora nenhum funcionário do Legislativo exerça função que justifique esses adicionais.

O Ministério Público do Paraná, por meio da Promotoria de Justiça de Tibagi, nos Campos Gerais, emitiu ontem, 12, recomendação administrativa dirigida ao presidente da Câmara de Vereadores para que o Legislativo Municipal se abstenha de fazer pagamentos irregulares a servidores da Casa.

O documento leva em conta a recente aprovação da Lei Municipal 2.774/2019, em 7 de novembro, que dispõe sobre o novo regime jurídico dos servidores da Câmara Municipal. A lei, conforme o MPPR, tem como irregularidade a previsão de pagamento de adicionais de insalubridade, periculosidade e noturno, embora nenhum funcionário do Legislativo exerça função que justifique esses adicionais.

A recomendação estabelece prazo de 15 dias para que o destinatário informe as medidas adotadas para seu cumprimento. (Com assessoria)


Compartilhe



Últimas notícias

Divulgação

28 de janeiro de 2020

Paraná registra saldo de 111 mil novas empresas em 2019

Divulgação

28 de janeiro de 2020

Carretas do Conhecimento irão qualificar mais de 5 mil pessoas

28 de janeiro de 2020

Elizabeth Schmidt assume a Prefeitura a partir de amanhã

Arquivo

28 de janeiro de 2020

Feira Verde trocou 3,2 toneladas de material reciclável por alimentos e passagem de ônibus em 2019

Ver mais

Mais Lidas

Arquivo

11 de janeiro de 2017

Prefeitura quebrada, cidade abandonada e Rangel de malas prontas para cruzeiro no Caribe

14 de agosto de 2017

Suposto patrocínio da UEPG em aniversário do MST gera polêmica nas redes sociais

Arquivo

"RAMBO"

10 de fevereiro de 2017

“Vou fechar todos os buracos da cidade em seis meses ou não me chamo Márcio Ferreira”, impõe meta secretário

Divulgação

9 de setembro de 2019

Secretário Superman é socorrido após levar surra