TIBAGI

7 de julho de 2017

Prefeitura retoma obras na Orla do Rio Tibagi

Divulgação

A obra teve início em novembro de 2013 e estava parada desde março de 2015

Esta semana foram retomadas as obras de implantação do Complexo Turístico na Orla do Rio Tibagi, no Município de Tibagi, com recursos do Ministério do Turismo. A obra teve início em novembro de 2013 e estava parada desde março de 2015 devido à dificuldade financeira da empresa e o atraso nos repasses de recursos pelo governo federal. Somente neste ano, a Prefeitura conseguiu fazer o pagamento do restante que faltava e realizar nova licitação. Essa primeira etapa da obra contemplará o Centro de Informações Turísticas. Uma nova licitação deverá ser programada ainda este ano para a conclusão dos demais projetos que integram o complexo, como pista de caminhada, cascata de oito metros, chafariz e paisagismo.

A Secretaria Municipal de Planejamento está fazendo uma análise para solicitar um novo pedido de reprogramação junto à Caixa Econômica Federal para a próxima fase. “Alguns pontos estão sendo revistos para desonerar os custos da obra, considerando a defasagem dos valores em virtude da data de assinatura do convênio há mais de cinco anos, bem como a questão de manutenção futura das estruturas monumentais”, conta o secretário municipal de Planejamento, Fernando Kogus.

COMPLEXO TURÍSTICO – O Complexo Turístico na Orla do Rio Tibagi é uma grande obra de revitalização das margens do rio em um local próximo à Rodovia PR 340, de fácil acesso à comunidade local e visitantes e de grande apelo cênico, onde é possível observar as corredeiras do rio e a prática de canoagem e rafting. O Centro de Informações Turísticas, primeira fase da obra, abrigará um ponto de informações com área administrativa, espaço para exibição de filmes e palestras, lojas para a comercialização de produtos locais, estacionamento e espaço para contemplação. A etapa seguinte prevê obras de paisagismo, trilhas para caminhada com paradas estratégicas para descanso e observação da natureza e uma cascata de oito metros, constituindo um importante eixo de lazer, cultura e entretenimento para toda a população. (Com assessoria)


Compartilhe



Últimas notícias

Divulgação

27 de novembro de 2020

Mabel Canto quer PG como cidade empreendedora

Divulgação

27 de novembro de 2020

Castro já tem decoração natalina e “Natal de Estrelas” começa dia 5

Divulgação

27 de novembro de 2020

Projeto interativo mostra potencial turístico e cultural de Castro

Divulgação

27 de novembro de 2020

Professora Elizabeth vai ampliar oportunidades de moradia com lotes urbanizados e regularização fundiária

Ver mais

Mais Lidas

Arquivo

31 de março de 2020

Ratinho Junior libera igrejas e outras atividades consideradas essenciais no Paraná

14 de agosto de 2017

Suposto patrocínio da UEPG em aniversário do MST gera polêmica nas redes sociais

Arquivo

28 de setembro de 2020

Ponta Grossa tem 456 candidatos a vereador em 2020; Confira a lista

Divulgação

9 de setembro de 2019

Secretário Superman é socorrido após levar surra