18 de julho de 2017

Prefeitura discute com Procuradoria do Estado medidas para quitar precatórios

A Prefeitura Municipal de Ponta Grossa, representada pelo Procurador Geral do Município (PGM), Marcus Freitas, e o Secretário Municipal de Gestão Financeira, Cláudio Grokoski, apresentou à Procuradoria Geral do Estado seu plano de medidas para realizar o pagamento integral dos precatórios que possui até 2020. A reunião aconteceu na manhã de ontem, em Curitiba.

“Nosso objetivo principal era trocar informações com a Procuradoria do Estado, apresentar nosso plano de medidas para quitar os precatórios e trocar experiências com as ações tomadas por eles para acabar com a dívida a nível estadual”, comentou o procurador geral de Ponta Grossa. De acordo com ele, ainda que os valores sejam diferentes – os precatórios em Ponta Grossa giram em torno de R$ 111 milhões – a situação dos órgãos é parecida. “Essa troca de experiências permitiu ver que estamos tomando medidas eficientes para honrar o pagamento destes valores. Demos início a compensação da Dívida Ativa para o pagamento de precatórios e também estamos realizando um levantamento de terrenos da Prefeitura que podem ir a leilão, o que pode render cerca de R$ 500 milhões”, avalia Freitas.

Além disso, na última sexta-feira, 14, o Município protocolou junto ao Tribunal de Justiça do Estado do Paraná (TJ-PR) uma manifestação onde relata a situação financeira atual da administração e apresenta um plano para pagamento dos precatórios até 2020. “Propomos um plano de pagamento condizente com a situação financeira do Município, com pagamento mensal de uma porcentagem em cima da receita líquida e um aporte em fevereiro do ano que vem. Agora vamos aguardar a manifestação do Tribunal de Justiça, no sentido de autorizar o Município a realizar estes pagamentos conforme nossa possibilidade financeira”, explica o secretário de Gestão Financeira, Cláudio Grokoski.

De acordo com o Procurador Geral do Município, a Prefeitura de Ponta Grossa está desde o início do ano trabalhando para garantir o pagamento dos precatórios até 2020, aguardando agora a flexibilização por parte do Tribunal de Justiça. Mesmo com a PEC que tramita no Senado, que prevê a extensão do prazo para 2028, a PMPG trabalha para efetuar o pagamento total até 2020. (Com assessoria)


Compartilhe



Últimas notícias

Arquivo

23 de novembro de 2020

Mabel propõe premiação para empresas incentivadoras de ações culturais

Divulgação

23 de novembro de 2020

Aliel entrega veículo para Comunidade Terapêutica Rosa Mística

Divulgação

23 de novembro de 2020

TRE suspende divulgação de Pesquisa Equação/Arbeit

Divulgação

21 de novembro de 2020

Professora Elizabeth destaca projetos e ações para crianças e jovens

Ver mais

Mais Lidas

Arquivo

31 de março de 2020

Ratinho Junior libera igrejas e outras atividades consideradas essenciais no Paraná

14 de agosto de 2017

Suposto patrocínio da UEPG em aniversário do MST gera polêmica nas redes sociais

Arquivo

28 de setembro de 2020

Ponta Grossa tem 456 candidatos a vereador em 2020; Confira a lista

Divulgação

9 de setembro de 2019

Secretário Superman é socorrido após levar surra