29 de junho de 2017

Investimentos em saúde consolidam cidade como polo regional

Israel Kaé

Neste primeiro semestre a Prefeitura já entregou à população as Unidades Básica de Saúde (UBS) Felix Viana, na Vila Hilgemberg, e Santo Domingo Zampier, no Costa Rica - esta totalmente nova. A Prefeitura está concluindo a UBS Lubomir Urban, no bairro 31 de março, e em breve retomará a construção da Unidade Adilson Baggio, no bairro Santo Antônio e vai construir uma nova UBS no bairro Bom Sucesso

Especial para o BLOG DO JOHNNY

BLOG DO JOHNNY, em parceria com a Prefeitura de Ponta Grossa, segue com a publicação de uma série de reportagens mostrando que em seis meses de governo, a administração municipal está desenhando um novo cenário para a cidade com a entrega de importantes obras de infraestrutura, em especial na área da Saúde.

A Saúde em Ponta Grossa está recebendo importantes obras de infraestrutura em continuidade ao trabalho já feito na primeira administração do prefeito Marcelo Rangel (PPS), onde os investimentos em estrutura física e humana resultaram na expansão da Atenção Primária, com aumento de 39 para 80 Equipes de Saúde de Família (ESF), que atendem cerca de 320 mil habitantes. O município melhorou a assistência às gestantes e crianças e apresentou melhoria dos indicadores de saúde.

E as obras não param. A Prefeitura está concluindo a Unidade Básica de Saúde (UBS) Lubomir Urban, no bairro 31 de março, e em breve retomará a construção da UBS Adilson Baggio, no bairro Santo Antônio e vai construir uma nova unidade no bairro Bom Sucesso para abrigar as equipes da Unidade Parteira Caetana. Além disso, está reformando o Laboratório Central que será referência macrorregional para exames de CD4, carga viral, hepatite B e C, contemplando 90 municípios. Também está recebendo investimentos o Centro de Especialidades Odontológicas.

Neste primeiro semestre a Prefeitura já entregou à população as Unidades Básica de Saúde Felix Viana, na Vila Hilgemberg, e Santo Domingo Zampier, no Costa Rica – esta totalmente nova. Nessas obras, a Prefeitura investiu R$ 1,5 milhão, com recursos do Ministério da Saúde e contrapartida do município.

De acordo com o gerente adjunto em Gestão de Saúde da Secretaria Municipal de Saúde, Robson Xavier da Silva, essas obras beneficiarão 28 mil pessoas. “São obras importantes que estão permitindo ampliar o atendimento. Além disso, o Laboratório Central e o Centro de Especialidades Odontológicas que beneficiam toda a população com a realização de exames laboratoriais e realização de procedimentos odontológicos de média e alta complexidade”, destaca.

Um dos projetos é qualificar o Hospital da Criança para continuar sendo referência na região

Um dos projetos é qualificar o Hospital da Criança para continuar sendo referência na região | Foto: Israel Kaé

MAIS – A Prefeitura já aprovou recursos para construção de três novas UBS para Santa Luzia; Dom Bosco e Santa Paula; Olarias e Oficinas, além de reforma em outras duas unidades a serem definidas. Essas obras têm previsão para iniciar no primeiro semestre de 2018 com investimento de R$ 4 milhões do Fundo Estadual de Saúde e recursos próprios do município.

Reestruturar o Hospital da Criança e o Hospital Municipal está entre as prioridades do Executivo, considerando o crescimento populacional não apenas de Ponta Grossa, mas também da região, uma vez que a cidade é sede de macrorregional de saúde. Um dos projetos é qualificar o HC para continuar sendo referência na região. “E estamos trabalhando para torná-lo um hospital-escola de apoio à formação profissional voltada para o Sistema Único de Saúde”, explica a secretária de Saúde, Angela Pompeu.

CRESCIMENTO – Com investimentos de R$ 25 milhões feitos nos últimos quatro anos na saúde, a cidade está preparada para o crescimento populacional previsto para os próximos dez anos. No primeiro governo foram feitas reformas em 17 unidades, construção de seis super postos com capacidade para até quatro Equipes de Saúde da Família (ESF) e atendimento de até 20 mil pessoas em cada um deles. “Essas unidades estão estrategicamente localizadas em área de expansão populacional como Santa Paula, Oficinas, Boa Vista e Uvaranas. Com a construção de mais três unidades, a capacidade atual será ampliada e qualificada significativamente. Além disso, a administração investiu na contratação de mais de 840 profissionais para melhor atendimento aos usuários”, conta a secretária.

Para os próximos três anos e meio a Prefeitura continuará investindo na reforma de outras UBS e nas unidades de apoio, como o Centro de Especialidades Médicas, Centro Municipal da Mulher, e Centros de Atenção Psicossocial (CAPS), e também em recursos humanos.

SAMU – Ponta Grossa será a sede do SAMU Regional, que agregará 28 municípios e uma unidade aérea do Graer. Essa estrutura fará parte da Rede de Urgência e Emergência, integrando os pontos de atenção como a UPA e os hospitais da região, promovendo uma intervenção rápida em casos de urgência e emergência, impactando na redução da mortalidade e na qualidade dos serviços.

Para Angela, os investimentos de grande monta feitos até agora mudaram o panorama da saúde em Ponta Grossa. “O prefeito demonstrou total responsabilidade com a saúde pública. A atenção primária tem sido ampliada desde 2013 para uma assistência em 100% do território. E os investimentos continuam com a construção de novas unidades e a reforma de outras que serão entregues em breve à população. O SAMU regionalizado é necessário para a integração da rede de urgência e emergência da microrregião. Como sede de macrorregião nossa responsabilidade aumenta. Ponta Grossa está em plena expansão e nossa secretaria trabalha acompanhando  essa evolução com instrumentos de saúde para cada dia atender melhor”, finaliza.


Compartilhe



Últimas notícias

Arquivo

23 de novembro de 2020

Mabel propõe premiação para empresas incentivadoras de ações culturais

Divulgação

23 de novembro de 2020

Aliel entrega veículo para Comunidade Terapêutica Rosa Mística

Divulgação

23 de novembro de 2020

TRE suspende divulgação de Pesquisa Equação/Arbeit

Divulgação

21 de novembro de 2020

Professora Elizabeth destaca projetos e ações para crianças e jovens

Ver mais

Mais Lidas

Arquivo

31 de março de 2020

Ratinho Junior libera igrejas e outras atividades consideradas essenciais no Paraná

14 de agosto de 2017

Suposto patrocínio da UEPG em aniversário do MST gera polêmica nas redes sociais

Arquivo

28 de setembro de 2020

Ponta Grossa tem 456 candidatos a vereador em 2020; Confira a lista

Divulgação

9 de setembro de 2019

Secretário Superman é socorrido após levar surra