29 de agosto de 2019

Intenção de consumo sobe 9% no Paraná

Arquivo

Acumulado do ano registra alta de 1,56%. Na região de Ponta Grossa, o resultado foi negativo: -3,06% em setembro, enquanto no acumulado de janeiro a setembro, o varejo apresentou crescimento de 2,74% na região, em comparação ao mesmo período do ano passado.

O índice de Intenção de Consumo das Famílias (ICF) paranaenses, apurado pela Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC) e divulgado pela Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Paraná (Fecomércio PR), subiu 9% no mês de agosto. Após cinco quedas consecutivas que o colocaram no patamar negativo, o indicador dá sinais de recuperação. Dos 98,3 pontos registrados em julho, a menor pontuação desde setembro de 2017, o índice passou para 107,1 pontos neste mês, passando a ser considerado positivo.

A possibilidade de saque do Fundo de Garantia (FGTS), que começará a ser depositado em setembro para quem tem conta corrente na Caixa Econômica, e das contas do PIS/Pasep trouxeram maior otimismo para as famílias do Paraná, bem como de todo o país. Os dados nacionais tiveram crescimento de 1,8% em agosto em relação a julho, indicando a retomada da confiança dos consumidores.

No Paraná, as famílias com renda superior a dez salários mínimos são as mais animadas, com variação mensal de 15,9% no ICF. Entre as famílias de menor renda o indicador subiu 7,4% de julho para agosto.

O item perspectiva de consumo teve o maior crescimento em agosto, com alta de 21,6% na comparação com julho. Também melhoraram consideravelmente as avaliações dos consumidores sobre momento para compra de bens duráveis (15,8%), acesso ao crédito (13,4%) e nível de consumo atual (11%).

No entanto, os paranaenses permanecem insatisfeitos quanto à perspectiva profissional, que está bastante abaixo a zona de indiferença (100 pontos) e marca 77,8 pontos em agosto, com queda de 1% ante julho. Na variação anual, o descrédito com relação às possiblidades de melhora salarial é ainda maior, com redução de 8,5%. (Com assessoria)


Compartilhe



Últimas notícias

Divulgação

29 de maio de 2020

Prefeitura reduz despesa com pessoal, mas continua acima do Limite Prudencial

Arquivo

29 de maio de 2020

Paraná soma 4.236 diagnósticos de coronavírus e 173 mortes

Arquivo

29 de maio de 2020

Lei moderniza gestão de cargos nas universidades

Divulgação

29 de maio de 2020

Projeto quer trancamento gratuito de matrícula de ensino superior

Ver mais

Mais Lidas

Arquivo

11 de janeiro de 2017

Prefeitura quebrada, cidade abandonada e Rangel de malas prontas para cruzeiro no Caribe

Arquivo

31 de março de 2020

Ratinho Junior libera igrejas e outras atividades consideradas essenciais no Paraná

14 de agosto de 2017

Suposto patrocínio da UEPG em aniversário do MST gera polêmica nas redes sociais

Arquivo

"RAMBO"

10 de fevereiro de 2017

“Vou fechar todos os buracos da cidade em seis meses ou não me chamo Márcio Ferreira”, impõe meta secretário