28 de novembro de 2019

Hospital Universitário recebe R$ 660 mil para investimento em equipamentos

Divulgação

A verba foi destinada pelo Programa Paraná Mais Cidades do Governo do Estado do Paraná. O recurso é resultado de indicação parlamentar do deputado estadual Plauto Miró.

O Hospital Universitário da UEPG recebeu hoje, 28, R$ 660 mil para compra de equipamentos. A verba foi destinada pelo Programa Paraná Mais Cidades do Governo do Estado do Paraná. O recurso é resultado de indicação parlamentar do deputado estadual Plauto Miró Guimarães Filho (DEM). A solenidade que oficializou o investimento foi realizada na Casa Civil, em Curitiba.

Durante o evento no Palácio Iguaçu, Plauto Miró ressaltou o investimento. “Agradeço muito ao governador Ratinho Júnior por permitir a nós deputados a indicação de verbas para determinadas áreas, em especial, a da saúde”, destacou o parlamentar.

O chefe da Casa Civil, Guto Silva, afirmou que o recurso é resultado da importante economia que os deputados fizeram do orçamento da Assembleia Legislativa. “Este recurso chegará rapidamente, até dezembro”, disse.

O valor será investido na compra de novo Arco Cirúrgico, equipamento que gera imagens digitais em tempo real para os cirurgiões, por meio da incidência de Raio-X. Além do Arco, o Hospital vai adquirir dois aparelhos de ultrassom que geram imagens de alta resolução, com capacidade de mensurar, por exemplo, a espessura de artérias e de realizar cálculos obstétricos.

Para o vice-reitor, Everson Krum, os equipamentos são de suma importância porque permitirão ampliar a capacidade do HU, que chega hoje a 6 mil atendimentos e 2 mil exames por mês. A diretora do HU-UEPG, Luciane Cabral, pontua que “o investimento é decisivo porque os equipamentos estarão à disposição para toda comunidade de Ponta Grossa e Campos Gerais que beneficiada gratuitamente pelo HU-UEPG”.

PARANÁ MAIS CIDADES – O Programa Paraná Mais Cidades, que recebeu recursos de R$ 351 milhões, é fruto de uma parceria entre o Governo do Estado e a Assembleia Legislativa. Os investimentos serão realizados com recursos do Tesouro Estadual e da devolução dos recursos financeiros do exercício orçamentário do Legislativo. Dos R$ 351 milhões, R$ 209 milhões foram devolvidos pelos parlamentares. O programa foi desenvolvido pela Casa Civil e busca utilizar de maneira mais distribuída e estratégica os recursos que tradicionalmente o Poder Legislativo remete ao Poder Executivo da execução orçamentária anual. (Com assessoria)


Compartilhe



Últimas notícias

Arquivo

10 de dezembro de 2019

Assembleia aprova projetos que alteram Previdência dos servidores estaduais

Divulgação

10 de dezembro de 2019

Ponta Grossa terá voos diários diretos para Congonhas

Divulgação

10 de dezembro de 2019

Seminário sobre futebol feminino reúne especialistas em Brasília

Divulgação

10 de dezembro de 2019

Fiscalização da Receita diminui inadimplência em Ponta Grossa

Ver mais

Mais Lidas

Arquivo

11 de janeiro de 2017

Prefeitura quebrada, cidade abandonada e Rangel de malas prontas para cruzeiro no Caribe

14 de agosto de 2017

Suposto patrocínio da UEPG em aniversário do MST gera polêmica nas redes sociais

Arquivo

"RAMBO"

10 de fevereiro de 2017

“Vou fechar todos os buracos da cidade em seis meses ou não me chamo Márcio Ferreira”, impõe meta secretário

Divulgação

9 de setembro de 2019

Secretário Superman é socorrido após levar surra