7 de novembro de 2019

Greca faz o melhor Natal de Curitiba; Em PG Natal é alvo de investigação

Divulgação

De inédito carrossel a espetáculos nas Regionais, Natal de Curitiba terá mais de 130 atrações este ano. Programação de eventos começa no dia 22 de novembro e decoração poderá ser vista até 6 de janeiro. Em Ponta Grossa uma Comissão Especial de Investigação apura eventuais irregularidades nos contratos, pagamentos e negociações relacionadas ao Natal desde 2015.

O prefeito de Curitiba, Rafael Greca (DEM) anunciou ontem, 06, a maior programação de festejos de Natal da Capital paranaense dos últimos anos. A terceira edição do Natal de Curitiba – Luz dos Pinhais começa no dia 22 de novembro e será a maior programação gratuita de fim de ano do país. Serão mais de 130 atrações da Prefeitura e empresas privadas, 15% a mais do que no ano passado, entre autos, corais, concertos, exposições de presépios e feiras, que ocorrerão até 23 de dezembro. Já a decoração natalina ficará montada até 6 de janeiro.

“A programação do Natal de Curitiba – Luz dos Pinhais 2019 foi concebida para espalhar o espírito de paz e de união entre as pessoas, transformando nossa cidade também em uma ótima opção turística para desfrutar das festas de fim de ano”, afirma o prefeito Rafael Greca.

INSPIRAÇÃO – Inspirações para renovar esperanças não faltarão no Natal de Curitiba 2019. Cartões-postais da Capital, como o Parque Barigui, o Jardim Botânico, a Rua XV de Novembro e o Centro Cívico, vão dividir as atenções de turistas e moradores com 24 árvores de Natal de até 22 metros. Espetáculos de música, teatro, balé e ópera irão ocupar o Centro Histórico, o Palácio Avenida, a Câmara Municipal, o Paço da Liberdade, a Catedral Metropolitana, a Capela Santa Maria, as Ruas da Cidadania e os parques da cidade. A Praça Santos Andrade volta a receber a Vila de Natal, com sua roda gigante toda iluminada. E a grande novidade: um clássico carrossel que irá encantar crianças e adultos em pleno Passeio Público.

A Capital volta a ganhar também uma decoração especial, repleta de luz, cor e muito brilho, que levará a festividade do Centro para os bairros. Contornos de luz indicarão e valorizarão atrações turísticas e históricas da cidade, como o Palácio Garibaldi e o Belvedere. Como na edição do ano passado, moradores e turistas poderão conhecer várias atrações da programação embarcando na Linha Natal, que começa no dia 28 de novembro.

INOVAÇÃO – A Capital volta a celebrar o Natal com criatividade e de maneira inovadora, com uma programação descentralizada, uma rede de voluntários e o apoio financeiro de patrocinadores privados que viabilizaram algumas das principais atrações, como Supermercados Condor (carrossel e decoração do Passeio Público), Electrolux (Vila de Natal e roda gigante na Praça Santos Andrade), Volvo (árvores de Natal da Avenida Cândido de Abreu, Asilo São Vicente de Paulo e Memorial de Curitiba), Associação dos Lojistas do ParkShoppingBarigüi (árvore de Natal do Parque Barigui), Samar Iluminação (Casa de Bolachas de Mel do Bosque do Alemão), Servopa (decoração do Jardinete Heitor Gurgel do Amaral Valente Netto, na Avenida Mário Tourinho) e Associação Comercial e Industrial de Santa Felicidade (decoração do Portal de Santa Felicidade).

“Curitiba já se consolidou no roteiro nacional natalino e mostra que uma cidade inteligente, como é a nossa Capital, consegue recriar, através de parcerias público-privadas, lindos cenários que retratam o caráter lúdico do nascimento de Jesus Cristo”, completa Greca. Ele destaca ainda o trabalho conjunto do Instituto Municipal de Turismo, da Fundação Cultural de Curitiba e do Instituto Curitiba de Arte e Cultura (Icac), responsáveis pela organização dos eventos da Prefeitura.

ABERTURA – A programação natalina de Curitiba começa no dia 22 de novembro, com o início da Feira Especial da Praça Osório, no Centro. Já a abertura oficial será no dia 24 de novembro, com a estreia do Auto de Reis no Passeio Público, que irá mostrar com poesia e música a mensagem do nascimento de Jesus dos três Reis Magos. No mesmo dia, será aberto o carrossel para o público.

Um dos pontos altos da programação será o Auto de Natal com entrega de brinquedos da campanha Natal Solidário da Fundação de Ação Social (FAS). O evento ocorre no dia 2 de dezembro, na Ópera de Arame. A campanha da FAS vai até 29 de novembro. A meta é arrecadar 80 mil brinquedos novos, que serão distribuídos na Ópera de Arame e nas Ruas da Cidadania.

Além disso, todas as regionais da Prefeitura terão atrações para a população e visitantes. As Ruas da Cidadania ganharão rosáceas e árvores de luz e estão programados espetáculos diários, com destaque para o Auto de Natal O Sentido do Natal nas Regionais, que começa a ser encenado no dia 25 de novembro e vai até 10 de dezembro.

O encerramento da programação natalina de Curitiba ocorre no dia 23 de dezembro, quando será realizado o Oratório de Natal no Parque Tanguá.

ECONOMIA – A temporada natalina deverá estimular a economia local em diversos setores, como hotelaria, gastronomia, transporte, prestação de serviços e o comércio em geral.

Levantamento do Instituto Municipal de Turismo aponta que, em 2018, os espetáculos natalinos da cidade reuniram cerca de 615 mil pessoas, o dobro de público em relação a 2017 (300 mil). Do público que acompanhou os eventos, 92,2 mil eram turistas, em 2018, um crescimento de 54% em relação ao ano anterior, quando a capital recebeu cerca de 60 mil pessoas de outras regiões do país e exterior.

O comércio também cresceu. Em 2018, foram movimentados R$ 60,6 milhões na economia local devido à programação de fim de ano, um aumento de 14,3% em comparação ao mesmo período de 2017 (R$ 53 milhões).

A expectativa do Município é que haja incremento nesses números, já que a festa está maior e com mais atrativos. “Estimamos que a programação de Natal de 2019 deve receber 10% a mais de público, sendo que o número de turistas deve aumentar em 15%”, avalia Tatiana Turra, presidente do Instituto Municipal de Turismo. (Com assessoria)


Em PG Natal é alvo de investigação

O pedido de abertura da Comissão foi motivado por matéria publicada pelo Blog do Johnny em agosto.

Há dois meses os vereadores apuram eventuais irregularidades nos contratos, pagamentos e negociações relacionadas ao Natal de Ponta Grossa desde 2015. Integram a Comissão Especial de Investigação (CEI) os vereadores Pietro Arnaud (Rede), George de Oliveira (PMN), Geraldo Stocco (Rede), Sargento Guiarone (PROS) e Celso Cieslak (PRTB).

O pedido de abertura da CEI foi motivado pela matéria do Blog do Johnny divulgada no início do mês: Empresário do Natal de PG diz ter levado calote da Prefeitura e acusa secretário de lhe pedir dinheiro. A reportagem teve repercussão na Câmara Municipal.

O vereador Pietro Arnaud se disse preocupado, apontando que Ambrózio Colnago, da empresa Natal de Luz (Angela Molina Colnago – ME), de Presidente Prudente, interior de São Paulo, briga para receber R$ 80 mil da Fundação Municipal de Cultura pela decoração natalina de Ponta Grossa em 2017. O empresário acusou o presidente da Fundação, Fernando Durante, de lhe pedir R$ 20 mil para patrocínio de um evento. Durante negou a acusação e chamou o empresário de “vagabundo”. “Verificamos o valor altíssimo da despesa com o Natal, dá mais de R$ 1 milhão e alguns valores que estão a receber. A situação é grave”, afirmou Pietro, criticando a falta de planejamento do Município com o Natal.

“Precisamos investigar as licitações, a falta de planejamento e outras despesas, como por exemplo, os fogos de artifício. Vamos também chamar o empresário desse escândalo”. “A Prefeitura de Ponta Grossa gastou muito dinheiro para a decoração de Natal ficar 11 dias nas ruas e agora vem essa suspeita de pedido de propina e irregularidades. Tem que ser apurado com muita responsabilidade”, defendeu o vereador George de Oliveira.

Compartilhe



Últimas notícias

Arquivo

20 de novembro de 2019

Diretor-geral da Alep preso na Operação Taxa Alta é exonerado

Arquivo

20 de novembro de 2019

Câmara promulga fim da cobrança da tarifa mínima da Sanepar

Arquivo

20 de novembro de 2019

Gaeco cumpre mandados de prisão em investigação de contrato do Detran

Divulgação

19 de novembro de 2019

Após denúncia de calote, Prefeitura programa repasses para Fundo da Cultura

Ver mais

Mais Lidas

Arquivo

11 de janeiro de 2017

Prefeitura quebrada, cidade abandonada e Rangel de malas prontas para cruzeiro no Caribe

14 de agosto de 2017

Suposto patrocínio da UEPG em aniversário do MST gera polêmica nas redes sociais

Arquivo

"RAMBO"

10 de fevereiro de 2017

“Vou fechar todos os buracos da cidade em seis meses ou não me chamo Márcio Ferreira”, impõe meta secretário

Divulgação

9 de setembro de 2019

Secretário Superman é socorrido após levar surra