7 de fevereiro de 2017

Governo recebe comissão do BID para análise de obras em infraestrutura

Divulgação

Dentro das obras que serão financiadas pelo BID, estão a construção do contorno de Castro e um Centro de Armazenagem de Grãos em Ponta Grossa

Uma comissão de especialistas do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) vem ao Paraná para analisar o perfil das obras que integram o Programa Estratégico de Infraestrutura e Logística de Transportes do Estado. O grupo se reunirá com representantes da Secretaria de Estado de Infraestrutura e Logística (SEIL) e do Departamento de Estradas de Rodagem do Paraná (DER/PR). Orçado em US$ 435 milhões, o programa prevê uma série de investimentos em obras rodoviárias, projetos na área de infraestrutura e a construção de centros logísticos no Paraná. Do valor total, a proposta prevê um financiamento de US$ 235 milhões em empréstimos junto ao BID e os outros US$ 200 milhões de contrapartida do Governo do Paraná. “Essa visita é uma oportunidade única para mostrarmos o desenvolvimento do Paraná no setor logístico e alinhar alguns ajustes da nossa proposta em relação as condições e a política de financiamento do BID”, afirma o secretário de Infraestrutura e Logística, José Richa Filho. A expectativa é que o empréstimo seja assinado no segundo semestre de 2017. Durante os três dias de programação estão previstos debates referentes aos projetos de engenharia, análises ambientais e a atual conjuntura econômica e social do Paraná, destacando a necessidade dos investimentos em rodovias e infraestrutura para melhorar as condições do escoamento de toda a produção da agricultura, indústria e comércio até o Porto de Paranaguá. VISITA TÉCNICA - A comissão internacional também fará uma visita técnica para analisar as obras executadas pelo DER na região metropolitana de Curitiba, entre elas a restauração e ampliação da Estrada do Cerne (PR-090), em Campo Magro, e a duplicação e modernização da Rodovia João Leopoldo Jacomel (PR-415), principal ligação entre Curitiba, Pinhais e Piraquara. RODOVIAS - Dentro das obras que serão financiadas pelo BID estão a construção de contornos em diversos municípios, pavimentação de novas rodovias e também duplicações. Entre as obras programadas estão os contornos de Wenceslau Braz (Norte Pioneiro), de Marechal Cândido Rondon (Oeste) e de Castro (Campos Gerais). Também há obras de pavimentações do acesso de Coronel Domingos Soares (Sudoeste) e da ligação entre Pitanga a Mato Rico (Centro), além da pavimentação entre São Mateus do Sul e Irati (Sul). CENTROS LOGÍSTICOS - Além dos recursos para modernização das rodovias, o financiamento do BID prevê, também, a criação de pontos de armazenagem de grãos, estacionamentos e áreas de serviços em regiões estratégicas para o transporte de cargas no Paraná. A intenção é construir esses centros em Cascavel, Maringá, Ponta Grossa, Guarapuava e Guaíra. (Com AEN)

Compartilhe



Últimas notícias

Divulgação

24 de novembro de 2020

Professora Elizabeth vai fortalecer rede de atendimento da assistência social

Divulgação

23 de novembro de 2020

Plauto pede explicações sobre instalação de penitenciária em Uvaranas

Divulgação

23 de novembro de 2020

Professora Elizabeth vai implantar CEP Cidadão para residenciais sem Correios

Divulgação

23 de novembro de 2020

Deputados aprovam projeto que restabelece parcelamento de ICMS

Ver mais

Mais Lidas

Arquivo

31 de março de 2020

Ratinho Junior libera igrejas e outras atividades consideradas essenciais no Paraná

14 de agosto de 2017

Suposto patrocínio da UEPG em aniversário do MST gera polêmica nas redes sociais

Arquivo

28 de setembro de 2020

Ponta Grossa tem 456 candidatos a vereador em 2020; Confira a lista

Divulgação

9 de setembro de 2019

Secretário Superman é socorrido após levar surra