19 de abril de 2018

Famílias recebem documentação imobiliária do Programa Papel Legal

Divulgação

Sete famílias concluíram o pagamento pela propriedade dos imóveis regularizados e receberam a documentação final dos terrenos. Prefeito realizou a entrega do documento do imóvel indicando as famílias como proprietárias

A Prefeitura de Ponta Grossa, através do Departamento de Patrimônio, da Secretaria Municipal de Administração e Recursos Humanos, realizou nesta semana a entrega da documentação imobiliária de imóveis regularizados através do Programa Papel Legal. Sete famílias concluíram o pagamento do imóvel, pelo período de seis a 10 anos, e receberam o documento do terreno, onde agora consta como proprietário exclusivo do bem um representante da família.

“A entrega dessa documentação é um momento muito importante nesse processo, porque sabemos o quanto essas famílias lutaram para a conquista deste patrimônio e o quanto a equipe do Papel Legal trabalha com acompanhando constante destas situações. Até então, o imóvel ainda constava como da Prefeitura, mas a partir desse momento, eles são proprietários exclusivos das áreas”, comemorou o prefeito, Marcelo Rangel (PPS).

O Programa Papel Legal foi instituído em 2006 com a finalidade de promover a regularização de áreas públicas e particulares ocupadas irregularmente, em nome dos atuais moradores, dentro de critérios estabelecidos. Desde o começo do programa, mais de 1.100 terrenos já foram regularizados, beneficiando mais de cinco mil pessoas. “Nesse momento, as famílias cortam o vínculo com a Prefeitura. Para eles, é uma conquista muito importante, porque poderão buscar financiamentos para ampliar ou reformar o imóvel, melhorando ainda mais sua qualidade de vida. Estamos muito satisfeitos com a oportunidade de ter trabalhado com essas famílias nesse período e concluir hoje com a entrega da documentação”, destacou a Chefe De Regularização De Imóveis Públicos Urbanizados, do Departamento de Patrimônio, Olinda Vera Cruz dos Santos.

MINHA CASA LEGAL – De acordo com o prefeito Marcelo Rangel, a proposta da gestão é ampliar as ações de regularização fundiária nos próximos meses. “Temos uma prioridade absoluta de regularizar as propriedades para as famílias que mais precisam e que sonham com esse dia. Nosso projeto é de ampliar ainda mais a regularização para os próximos meses, com uma nova fase do Papel Legal, o Minha Casa Legal, através da Prolar. Queremos ampliar o número de atendimentos, porque certamente essa é a maior conquista de uma família”, adianta Rangel.

Participaram da entrega da documentação a vice-prefeita Elizabeth Schmidt (PSB), o secretário de Governo, Maurício Silva, e outros representantes do Departamento de Patrimônio. (Com assessoria)


Compartilhe



Últimas notícias

Divulgação

19 de janeiro de 2019

Aliel entrega ambulância para a Saúde de Palmeira

Arquivo

19 de janeiro de 2019

Tribunal de Contas do Estado comprova falhas no transporte coletivo de PG

Divulgação

19 de janeiro de 2019

Secretaria de Estado de Saúde paga prestadores da área de hemodiálise

Divulgação

19 de janeiro de 2019

Estado prepara lei para formalizar reforma administrativa

Ver mais

Mais Lidas

Arquivo

11 de janeiro de 2017

Prefeitura quebrada, cidade abandonada e Rangel de malas prontas para cruzeiro no Caribe

Arquivo

25 de maio de 2017

Justiça nega sigilo de dívida de R$ 4,4 milhões do MM MercadoMóveis ao Município

Arquivo

28 de agosto de 2018

Vaza áudio de secretário de Cida falando sobre dinheiro em troca de apoio

Arquivo

1 de agosto de 2017

Dívida de R$ 4,4 mi do MercadoMóveis daria para construir 250 casas, 4 Unidades de Saúde ou 3 escolas