14 de março de 2017

Estão me engessando, denuncia Márcio Ferreira, o “Rambo da Prefeitura”

Arquivo

“Rambo” conta que depois do secretário de Gestão Financeira, Odailton de Souza, ter pedido para ele ‘tirar o pé’ das ações de manutenção da cidade, agora o secretário de Administração, Ricardo Linhares, tio do prefeito, “senta em cima” dos processos de compra de materiais para a Secretaria

O secretário municipal de Serviços Públicos, Márcio Ferreira, o “Rambo da Prefeitura”, relata que além de estar fazendo o trabalho de outras Secretarias, estão tentando engessar o seu trabalho, que vem sendo reconhecido pela população e a sociedade.

“Rambo” conta que depois do secretário municipal de Gestão Financeira, Odailton de Souza, ter pedido para ele ‘tirar o pé’ das ações de manutenção da cidade, agora o secretário municipal de Administração e Recursos Humanos, Ricardo Linhares, tio do prefeito, “senta em cima” dos processos de compra de materiais para a Secretaria. “Rambo” relata que não consegue comprar mais um prego para o serviço. Materiais como cimento, utilizado na manutenção de galerias, já estão em falta.

“Rambo” relata ainda que tem efetuado obras de responsabilidade de outras pastas, como a limpeza de praças, arroios e terrenos baldios da Secretaria de Meio Ambiente, pintura de traves da Fundação de Esportes, manutenção das estradas rurais da Secretaria de Agricultura, Pecuária e Abastecimento e até buracos para postes de iluminação pública da Agência de Fomento Econômico de Ponta Grossa (AFEPON).

Há tempos Ponta Grossa não via um secretário de Serviços Públicos com disposição para o trabalho como “Rambo”. As ações no comando da pasta estão realizando a manutenção necessária, embelezando a cidade e atendendo as reivindicações da população, principalmente nos bairros. O trabalho do “Rambo” tem pautado a gestão e o próprio prefeito Marcelo Rangel (PPS). A sobrecarga de serviços de responsabilidade de outras secretarias e a tentativa de engessar os trabalhos com a falta de materiais, além de paralisar os serviços necessários vai trazer de volta a situação de abandono que a cidade se encontrava no final do ano passado, após a eleição municipal.

Dia destes, em um clube de serviço, empresários da cidade comentavam que se o governo do prefeito Marcelo Rangel tivesse ao menos seis dos 23 secretários com disposição para o trabalho igual ao “Rambo”, a cidade estaria bem mais cuidada.

O apelido de “Rambo da Prefeitura” foi dado pelo BLOG DO JOHNNY devido à sua admiração ao personagem da série de filmes protagonizada pelo ator Sylvester Stallone. O secretário Márcio Ferreira também é chamado pelo prefeito Marcelo Rangel de “trator” do governo municipal. Mas nos últimos dias, o “trator” tem andado com o ‘pneu furado’.


Compartilhe



Últimas notícias

Divulgação

22 de janeiro de 2021

Paraná assume presidência do Codesul

Divulgação

22 de janeiro de 2021

Unidades de Saúde exclusivas para atendimento de Covid estendem horário

Divulgação

22 de janeiro de 2021

No Paraná, 57,2 mil pessoas já foram vacinadas contra a Covid-19

Divulgação

22 de janeiro de 2021

Prefeitura finaliza imunização dos profissionais da saúde municipal e inicia aplicação nos idosos das ILPIs

Ver mais

Mais Lidas

Arquivo

11 de janeiro de 2017

Prefeitura quebrada, cidade abandonada e Rangel de malas prontas para cruzeiro no Caribe

Arquivo

31 de março de 2020

Ratinho Junior libera igrejas e outras atividades consideradas essenciais no Paraná

14 de agosto de 2017

Suposto patrocínio da UEPG em aniversário do MST gera polêmica nas redes sociais

Arquivo

28 de setembro de 2020

Ponta Grossa tem 456 candidatos a vereador em 2020; Confira a lista