16 de agosto de 2019

Audiência Pública discute concessão do Parque de Vila Velha

Divulgação

Evento promovido pela Secretaria do Desenvolvimento Sustentável e do Turismo aconteceu em Ponta Grossa ontem, 15. Participaram cerca de 70 pessoas, representantes do poder público, de empreendimentos privados, do terceiro setor e moradores do entorno.

A Secretaria de Estado do Desenvolvimento Sustentável e do Turismo promoveu ontem, 15, audiência pública para apresentar o projeto de concessão do Parque Estadual de Vila Velha. O encontro ocorreu no Sebrae de Ponta Grossa e reuniu cerca de 70 pessoas do poder público, de empreendimentos privados, do terceiro setor e moradores do entorno.

“Vamos colocar o Parque de Vila Velha à visitação regional, estadual, nacional e internacional”, disse o secretário da pasta, Márcio Nunes. “Os atrativos ligados à natureza e ao meio ambiente são os negócios que mais vão crescer no Brasil, gerando emprego e renda”.

Em todo o processo, desde a apresentação dos cadernos técnico e jurídico, consulta pública, roadshows e audiência pública, os participantes se mostraram interessados. “Vila Velha é um ícone de Ponta Grossa e do Estado para o turismo e precisamos colocá-lo novamente no lugar que merece”, disse a vice-prefeita de Ponta Grossa, Elizabeth Schmidt (sem partido).

De acordo com o diretor técnico e coordenador do Grupo de Trabalho da Concessão, Rafael Angreguetto, o parque é um espaço rico em formações naturais e que atrai amantes de aventura e natureza, mas precisa oferecer recursos aos visitantes, que muitas vezes vêm de longe. “Também estamos preocupados em dar aos nossos filhos a oportunidade de conhecer o Parque de Vila Velha e que seja uma experiência diferente para eles”, destaca.

CONTRIBUIÇÕES – Após apresentação dos técnicos algumas dúvidas foram levantadas e esclarecidas. Uma das preocupações é que tudo que for explorado tenha uma análise crítica de especialistas. “Teremos essa atenção para que sejam mantidas todas as formações naturais e um ambiente conservado porque não podem ser substituídos”, explica o diretor de Biodiversidade e Áreas Protegidas do Instituto Ambiental do Paraná (IAP), Aristides Athayde.

PRÓXIMOS PASSOS – A consulta pública está aberta no site da Secretaria do Desenvolvimento Sustentável e do Turismo até a próxima terça-feira, 20. As contribuições da Consulta Pública e Audiência Pública vão contemplar o edital que será publicado em 5 de setembro. (Com AEN)


Compartilhe



Últimas notícias

Divulgação

29 de maio de 2020

Prefeitura reduz despesa com pessoal, mas continua acima do Limite Prudencial

Arquivo

29 de maio de 2020

Paraná soma 4.236 diagnósticos de coronavírus e 173 mortes

Arquivo

29 de maio de 2020

Lei moderniza gestão de cargos nas universidades

Divulgação

29 de maio de 2020

Projeto quer trancamento gratuito de matrícula de ensino superior

Ver mais

Mais Lidas

Arquivo

11 de janeiro de 2017

Prefeitura quebrada, cidade abandonada e Rangel de malas prontas para cruzeiro no Caribe

Arquivo

31 de março de 2020

Ratinho Junior libera igrejas e outras atividades consideradas essenciais no Paraná

14 de agosto de 2017

Suposto patrocínio da UEPG em aniversário do MST gera polêmica nas redes sociais

Arquivo

"RAMBO"

10 de fevereiro de 2017

“Vou fechar todos os buracos da cidade em seis meses ou não me chamo Márcio Ferreira”, impõe meta secretário