18 de novembro de 2020

2º turno histórico com duas mulheres marca embate de duas forças políticas

Arquivo

Embora Jocelito seja um ‘monstro’ eleitoralmente, não é possível subestimar a força dos irmãos Marcelo Rangel e Sandro Alex, e do governador Ratinho Júnior, que são tão ou mais fortes quanto. Mabel consolidou a imagem de mulher forte e corajosa, e Professora Elizabeth se mostra ao eleitorado mais experiente e preparada.

O 2º turno histórico com duas mulheres disputando a Prefeitura de Ponta Grossa: Mabel Canto (PSC) e Professora Elizabeth Schmidt (PSD), a única cidade do Brasil, marca também um embate entre duas forças antagônicas: Jocelito Canto e os irmãos Marcelo Rangel (PSDB) e Sandro Alex (PSD).

Embora Jocelito e os irmãos Oliveira sejam antigos desafetos, houve uma trégua após a eleição de Rangel para a Prefeitura em 2012, que durou até a eleição de 2018, quando a sua filha Mabel foi eleita deputada e passou a disputar espaço com Sandro no governo na região, marcando um novo rompimento entre os grupos.

Durante o primeiro turno, havia um objetivo em comum entre eles que foi o de deixar o empresário Márcio Pauliki (SD) fora do 2º turno. Mabel abriu uma vantagem de 10 mil votos sobre Elizabeth e Pauliki conquistou a terceira colocação com mais de 44 mil votos. Pauliki havia prometido reunir o seu grupo hoje, 18, para tomar uma posição, mas adiou para a próxima segunda-feira, 23. Ambos os grupos trabalham nos bastidores por uma declaração de apoio de Pauliki, superando toda e qualquer rivalidade passada.

Embora pertençam a grupos rivais, a promessa pelo menos por enquanto é de uma campanha limpa, sem ataques. Os dois grupos acordaram neste sentido, mas possuem as suas armas e munições guardadas no paiol, prontas para a guerra.

Ao contrário de Pauliki, Jocelito afirma que não pretende fazer com Rangel o que foi feito com ele por Péricles de Mello (PT), seu sucessor, que promoveu uma auditoria nas contas do Município e divulgou de forma sensacionalista, o que pode dar maior tranquilidade para o prefeito caso Mabel vença o pleito.

Embora Jocelito seja um ‘monstro’ eleitoralmente, não é possível subestimar a força dos irmãos Marcelo Rangel e Sandro Alex, e do governador Ratinho Júnior (PSD), que são tão ou mais fortes quanto. Basta ver que a sua candidata – desconhecida da maioria da população -, chegou ao 2º turno.

Mas para ganhar de Jocelito, que consolidou a imagem de Mabel como uma mulher forte e corajosa, os irmãos Oliveira irão precisar de uma enorme vontade de vencer a eleição com a Professora Elizabeth, que se mostra ao eleitorado mais experiente e preparada, com maior chance de atrair os votos de Pauliki.

O 2º turno terá a campanha mais curta da história, o horário eleitoral no rádio e na televisão começa na sexta-feira, 20, e se estende até o dia 27, dois dias antes das eleições. Serão dois blocos fixos de 10 minutos cada, divididos igualmente entre os dois candidatos no rádio – das 7h às 7h10min e das 12h às 12h10min; e na TV – das 13h às 13h10min e das 20h30min às 20h40min. Os candidatos também terão 70 minutos diários divididos em propagandas de 30 e 60 segundos distribuídos pelas emissoras de rádio e TV.


Compartilhe



Últimas notícias

Divulgação

23 de novembro de 2020

Plauto pede explicações sobre instalação de penitenciária em Uvaranas

Divulgação

23 de novembro de 2020

Professora Elizabeth vai implantar CEP Cidadão para residenciais sem Correios

Divulgação

23 de novembro de 2020

Deputados aprovam projeto que restabelece parcelamento de ICMS

Arquivo

23 de novembro de 2020

Pesquisa PPM aponta liderança de Professora Elizabeth no 2º turno

Ver mais

Mais Lidas

Arquivo

31 de março de 2020

Ratinho Junior libera igrejas e outras atividades consideradas essenciais no Paraná

14 de agosto de 2017

Suposto patrocínio da UEPG em aniversário do MST gera polêmica nas redes sociais

Arquivo

28 de setembro de 2020

Ponta Grossa tem 456 candidatos a vereador em 2020; Confira a lista

Divulgação

9 de setembro de 2019

Secretário Superman é socorrido após levar surra